Home

Comunicamos que já está no ar a Revista do Edicc com os artigos resultantes dos trabalhos apresentados e discutidos no 1º Encontro de Divulgação de Ciência e Cultura (Edicc1).

Mais uma vez agradecemos a todos que participaram do evento e nos ajudaram a compor os anais com o envio dos artigos completos.

Esperamos encontrá-los novamente na próxima edição do Edicc.

Anúncios

Revista do Edicc

24 de julho de 2012

Até 5 de agosto de 2012 informaremos aos autores o resultado da avaliação dos trabalhos submetidos à Revista do Edicc (Anais do 1º Edicc).

Conforme o processo de submissão divulgado (http://bit.ly/MGOMcr), os trabalhos estão em avaliação pelos pareceristas selecionados pela Comissão Editorial da Revista do Edicc.

Considerando a prorrogação das submissões e do período para os pareceres, também foi necessário postergar a data para divulgação dos resultados. Agradecemos a compreensão.

Até breve!

Prezados participantes do 1º. EDICC,
Vimos por meio deste agradecer sua participação neste bem-sucedido evento, que contou com mais de 120 participantes, 81 trabalhos apresentados. Tivemos, também, 11.796  views no blog do evento e 118 pessoas que curtiram nossa página no Facebook.
Atendendo a vários pedidos, a Comissão Organizadora do 1º Encontro de Divulgação de Ciência e Cultura (EDICC1) informa que a oportunidade de participar com seu trabalho na publicação dos anais do EDICC foi prorrogada até 30 de maio.
Este será o primeiro volume da Revista de Divulgação de Ciência e Cultura (Anais do EDICC), uma publicação do programa de Mestrado em Divulgação Científica e Cultural do Laboratório de Estudos Avançados em Jornalismo e do Instituto de Estudos da Linguagem (Labjor/IEL), da Unicamp. Serão aceitos artigos e relatos de experiências apenas daqueles que participaram do Edicc1 apresentando trabalho, em qualquer das modalidades do evento, e também dos palestrantes e debatedores.
Veja mais informações sobre Revista do EDICC:
A) Os anais estarão disponíveis no site do Instituto de Estudos da Linguagem (IEL) http://www.iel.unicamp.br/revista/index.php/edicc/index, onde poderão se tornar referências para pesquisas posteriores e literatura acadêmica;
B) A publicação é dotada de ISSN e válida para citação em currículo Lattes;
C) A publicação conta com a chancela instituicional da Unicamp, do IEL e do Labjor;
D) O público-alvo da publicação é composto, principalmente, de pesquisadores de comunicação, ciência e cultura de todo o país, bem como profissionais e artistas que atuam na área de divulgação científica e cultural;
E) Por ter participado do EDICC, seu texto tem espaço garantido nesta publicação, desde que aprovado pelos pareceristas;
F) A publicação da revista está prevista para agosto deste ano e terá periodicidade anual.
Revista do EDICC – Normas para submissão de artigos e relatos de experiências

1) Todos os artigos deverão ser submetidos no sistema online. Acesse aqui o tutorial para submissão de artigos

http://seer.ibict.br/images/stories/file/tutoriais/tutorial_de_submissao_de_artigos.pdf

2) Os textos podem ser escritos em português, espanhol ou inglês.

3) Estrutura do trabalho

– Os artigos e relatos de experiências devem conter no mínimo 6 e no máximo 10 páginas, contando Bibliografia e Anexos;

– O arquivo do texto deve estar em extensão .doc (Microsoft Word), fonte Times New Roman 12; texto justificado; espaçamento 1,5; página A4, margens de 2,5 cm;

– O título do texto deve vir em negrito (usar maiúscula apenas para a primeira letra da sentença e nomes próprios);

– O nome completo do(s) autor(es) e instituição(ões) deverá aparecer duas linhas abaixo do título do texto, sem negrito;

– As informações sobre o status acadêmico do autor e sua filiação institucional devem constar em nota de rodapé indicada ao final do nome completo do(s) autor(es);

– Duas linhas abaixo do nome do autor, devem ser apresentados dois resumos de até 300 palavras, contendo a síntese do trabalho. O primeiro deverá ser redigido na língua original do artigo: português, inglês ou espanhol (RESUMO/ABSTRACT/RESUMEN); o segundo em língua inglesa. Se o artigo for escrito em inglês, o outro resumo deverá ser em português;

– Palavras-chave: depois de cada um dos resumos, deverão constar até cinco palavras-chave, em negrito, na língua em que estiver escrito o resumo (Palavras-chave/Keywords/Palabras-llave);

– Os títulos de seções deverão estar em negrito; e os títulos de subseções, em itálico. Quanto à enumeração, deverá partir do numeral 1 (utilizar 1.1, 1.2 etc. para as subseções). Deverá haver uma linha entre o final de uma seção e o início da seção seguinte. Não deve haver, entretanto, espaço entre o título da (sub)seção e o início do respectivo texto.

– Imagens (tabelas, gráficos, desenhos, quadros, árvores, mapas e fotografias) necessárias à compreensão do texto devem ser colocadas no corpo do texto contendo numeração de acordo com a ordem de inserção e título (apenas a letra inicial em maiúscula) e, se necessário, legenda.

– As referências bibliográficas, citações e notas de rodapé devem seguir as normas da ABNT. A bibliografia deve conter somente as referências citadas no texto e não é obrigatória no caso de Relatos de Experiências. Para auxílio na formatação de referências, acesse  http://www.rexlab.ufsc.br:8080/more/index.jsp.

Cronograma Atualizado

– Prazo final para envio do texto completo: 30 de maio

Acesse a página de submissões: http://www.iel.unicamp.br/revista/index.php/edicc/about/submissions#onlineSubmissions

– Divulgação dos trabalhos aceitos: 14 de julho

– Lançamento do primeiro volume da Revista do Encontro de Divulgação de Ciência e Cultura (Revista do EDICC): previsto para Agosto de 2012.

A Comissão Organizadora do 1º Encontro de Divulgação de Ciência e Cultura (EDICC1) convida palestrantes, debatedores e aqueles que apresentaram trabalhos no evento a enviar artigos para o primeiro volume da Revista do Encontro de Divulgação de Ciência e Cultura (Revista do EDICC), uma publicação do programa de Mestrado em Divulgação Científica e Cultural do Laboratório de Estudos Avançados em Jornalismo e do Instituto de Estudos da Linguagem (Labjor/IEL), da Unicamp.

Serão aceitos artigos e relatos de experiências apenas daqueles que participaram do Edicc1 apresentando trabalho, em qualquer das modalidades do evento, e também dos palestrantes e debatedores.

Os artigos e relatos de experiências devem ser submetidos no sistema online (veja mais informações abaixo) até 14 de maio. Todos os textos enviados serão avaliados por pareceristas convidados pela Comissão Editorial e o resultado será divulgado até 14 de julho. Em caso de problemas ou dúvidas, a Comissão entrará em contato com o autor do texto solicitando correções e/ou alterações. Caso dois pareceristas julguem o texto inadequado para publicação, o artigo poderá ser rejeitado.

A publicação da revista está prevista para agosto deste ano.

Normas para submissão de artigos e relatos de experiências

1) Todos os artigos deverão ser submetidos no sistema online. Acesse aqui o tutorial para submissão de artigos

http://seer.ibict.br/images/stories/file/tutoriais/tutorial_de_submissao_de_artigos.pdf

2) Os textos podem ser escritos em português, espanhol ou inglês.

3) Estrutura do trabalho

– Os artigos e relatos de experiências devem conter no mínimo 6 e no máximos 10 páginas, contando Bibliografia e Anexos;

– O arquivo do texto deve estar em extensão .doc (Microsoft Word), fonte Times New Roman 12; texto justificado; espaçamento 1,5; página A4, margens de 2,5 cm;

– O título do texto deve vir em negrito (usar maiúscula apenas para a primeira letra da sentença e nomes próprios);

– O nome completo do(s) autor(es) e instituição(ões) deverá aparecer duas linhas abaixo do título do texto, sem negrito;

– As informações sobre o status acadêmico do autor e sua filiação institucional devem constar em nota de rodapé indicada ao final do nome completo do(s) autor(es);

– Duas linhas abaixo do nome do autor, devem ser apresentados dois resumos de até 300 palavras, contendo a síntese do trabalho. O primeiro deverá ser redigido na língua original do artigo: português, inglês ou espanhol (RESUMO/ABSTRACT/RESUMEN); o segundo em língua inglesa. Se o artigo for escrito em inglês, o outro resumo deverá ser em português;

– Palavras-chave: depois de cada um dos resumos, deverão constar até cinco palavras-chave, em negrito, na língua em que estiver escrito o resumo (Palavras-chave/Keywords/Palabras-llave);

– Os títulos de seções deverão estar em negrito; e os títulos de subseções, em itálico. Quanto à enumeração, deverá partir do numeral 1 (utilizar 1.1, 1.2 etc. para as subseções). Deverá haver uma linha entre o final de uma seção e o início da seção seguinte. Não deve haver, entretanto, espaço entre o título da (sub)seção e o início do respectivo texto.

– Imagens (tabelas, gráficos, desenhos, quadros, árvores, mapas e fotografias) necessárias à compreensão do texto devem ser colocadas no corpo do texto contendo numeração de acordo com a ordem de inserção e título (apenas a letra inicial em maiúscula) e, se necessário, legenda.

– As referências bibliográficas, citações e notas de rodapé devem seguir as normas da ABNT. A bibliografia deve conter somente as referências citadas no texto e não é obrigatória no caso de Relatos de Experiências. Para auxílio na formatação de referências, acesse  http://www.rexlab.ufsc.br:8080/more/index.jsp.

 

Cronograma

– Prazo final para envio do texto completo: 14 de maio

Acesse a página de submissões: http://www.iel.unicamp.br/revista/index.php/edicc/about/submissions#onlineSubmissions

– Divulgação dos trabalhos aceitos: 14 de julho

– Lançamento do primeiro volume da Revista do Encontro de Divulgação de Ciência e Cultura (Revista do EDICC): previsto para Agosto de 2012.

A cobertura dada pela imprensa para as questões científicas, especialmente quando envolve assuntos relacionados à saúde, será tema de um debate durante o 1º EDICC- Encontro de Divulgação em Ciência e Cultura, que acontecerá na Unicamp entre os dias 6 e 8 de março. Na sessão destinada a este debate, estarão pesquisadores que investigam temas como o monitoramento de parâmetros médicos, o registro de ensaios clínicos como instrumento de divulgação e a cobertura que a mídia dá as questões de saúde.

As conclusões a que chegaram os pesquisadores não são sempre favoráveis à mídia. Guilherme Gorgulho Braz, mestrando do Programa de Pós-Graduação em Divulgação Científica e Cultural (IEL-Labjor-Unicamp), estudando o combate à hanseníase em São Paulo no século passado, concluiu que o estado adotou práticas medievais no tratamento dos pacientes, com total apoio da mídia, que retratava os que se submetiam a tratamentos draconianos como dignos de pena, e os que recusavam esse tipo de tratamento como perigosos para a sociedade.

Pensar na relação entre ciência, saúde e mídia é importante porque, como verificou em seu estudo outra mestranda do mesmo programa que participará do debate, Marcela Carlini, a divulgação por jornais de notícias relacionadas à saúde pode efetivamente influenciar o comportamento de pacientes e de profissionais de saúde. Marcela mapeou a cobertura dada a temas de saúde pelos jornais Folha de S. Paulo e O Estado de S. Paulo e levará os resultados ao encontro.

E o que dizer então da pesquisa que não chega à mídia, ou seja, que chega a conclusões que contrariam a vontade de seus patrocinadores e por isso não são divulgadas? Esse é um tema que será debatido na apresentação do trabalho “Registro de ensaios clínicos: implicações científicas e políticas da comunicação da ciência”, do doutorando em Política Científica e Tecnológica (IG-Unicamp), Alessandro Luís Piolli, da  a professora Maria Conceição da Costa (IG-Unicamp) e Josué Laguardia, pesquisador Fiocruz.

A sessão de apresentação de trabalhos, que reunirá esses debatedores, acontecerá no dia 07 de março no Instituto de Estudos Avançados (IEL).

O 1º EDICC acontece entre os dias 6 e 8 de março no Instituto de Estudos Avançados (IEL), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). O evento é organizado pelos alunos do Mestrado em Divulgação Científica e Cultural (MDCC), do Laboratório de Estudos Avançados em Jornalismo (Labjor) e IEL.

A divulgação científica e cultural – assunto que atualmente desperta muita atenção do meio acadêmico e que também ocupa cada vez mais espaço nas bancas de jornal e nas livrarias – será tema da mesa-redonda “Divulgação de Ciência e Cultura”, que encerra as atividades do EDICC1 no dia 8 de março, a partir das 16 horas.

A mesa-redonda contará com a participação de especialistas na área como Mariluce Moura, diretora de redação da Revista Fapesp (publicação impressa e online), que dispõem hoje de uma das mais relevantes estruturas de divulgação científica do país.

Também participará da mesa Oscar Alamo, docente da Universidad Nacional de Villa María (em Córdoba, Argentina), que falará sobre o tema “A divulgação como política pública na construção da cidadania”. Alamo é responsável pela disciplina de “Comunicación y Desarrollo Tecnológico” no curso de Comunicação Social.

A mesa também será integrada pela professora da Unicamp Daniela Birman, que é jornalista e doutora em Literatura Comparada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, com pós-doutorado em Estudos Culturais no Programa Avançado em Cultura Contemporânea (PACC/UFRJ). Atualmente é pós-doutoranda em Literatura Brasileira no Instituto de Estudos da Linguagem (IEL-Unicamp), onde desenvolve o
projeto “Confinados: escrita e experiência do cárcere em Lima Barreto e Graciliano Ramos”.

Acompanhe as mesas ao vivo pela internet. Acesse www.livestream.com/edicc1

As palestras e mesas-redondas realizadas no 1º Encontro de Divulgação de Ciência e Cultura (Edicc1) serão transmitidas ao vivo.
Acesse www.livestream.com/edicc1 e acompanhe!